Estivadores do Porto da Praia em greve

Os estivadores do porto da praia que ameaçavam partir para uma greve caso a empresa levasse avante a exigência de colocar neste porto o mesmo horário de trabalho que vigora nas restantes estruturas, vão entrar mesmo em greve na próxima quinta-feira, dia 13.

O presidente do SIASCA, Gilberto Lima, garantiu a realização da greve dos estivadores do Porto da Praia, no dia 13, e por tempo indeterminado. Negociações com a Enapor não surtiram efeitos.

“Devo dizer que na reunião de conciliação entre o sindicato e a Enapor, não se chegou a nenhum entendimento quanto à suspensão do novo horário de trabalho que se implementou à revelia dos sindicatos e dos próprios trabalhadores”, afirmou Gilberto Lima.

O pré-aviso de greve já tinha sido comunicado, mas conforme Gilberto Lima, foi suspenso a pedido da Administração da Enapor para tentarem um acordo, o que não aconteceu. Conforme explicou, este, mostrou-se irredutível face às exigências dos sindicatos. Neste encontro, a Enapor “mostrou-se irredutível” quanto à questão de suspender os horários de trabalho. “Propôs-nos a suspensão do pré-aviso de greve para promover um encontro mas não se chegou a um acordo”, disse o sindicalista.

A Administração da Enapor, na cidade da Praia, negou-nos uma reacção alegando não estar autorizada para tal.

De recordar que a manifestação dos estivadores está relacionada com a implementação de uma mova modalidade de horário de trabalho dessa classe profissional, que vigora há mais de 40 anos.

 

Texto: Neidilídia Andrade

 

Pub

  1. NOTÍCIAS »
  2. Destaques
  3. Recentes

Pub