violéncia eleitoral em africa

O diálogo que deu início na Cidade da Praia esta quarta-feira é para criar uma plataforma para que representantes de uma vasta gama de organizações e instituições possam discutir o papel crucial dos partidos políticos na presente situação de violência relacionada com eleições no continente, e a forma de evitar e/ou atenuar essa mesma violência.

O Presidente da República interina, Jorge Santos, diz que, Cabo Verde, tem cumprido os parâmetros e etapas, os mais exigentes, relativos aos seus processos eleitorais, onde contam com o envolvimento dos partidos políticos e a Comissão Nacional de Eleições.

Segundo o Presidente da Republica, o ciclo eleitoral em Cabo Verde tem sido caracterizado por sucessivas alterações de poder protagonizado por paridos políticos de forma natural.

Jorge Santos afirmou ainda que as eleições no nosso país têm decorrido com regularidade constitucional e com um apreciável grau de credibilidade e transparência.

O processo eleitoral tem sido facilitado com a utilização de aplicativos informáticos para acelerar os processos de contagem, apuramento e divulgação dos dados e resultados eleitorais fornecidos em tempo real sobe a fiscalização dos delegados e representantes dos partidos políticos e a Comissão Nacional de Eleições.

 

Texto: Irina Rodrigues

 

Pub

  1. NOTÍCIAS »
  2. Destaques
  3. Recentes

Pub