Gilberto Silva

O Partido Africano da Independência de Cabo Verde mostrou a sua preocupação em relação a recente proposta de alteração das tarifas dos transportes marítimos inter ilhas, colocada à consulta pública, pela agência marítima e portuária (AMP) que prevê aumento superior a 50% tanto no transporte de passageiros como no de mercadorias.

Nuias Silva, membro da comissão política nacional, diz que esta alteração veio juntamente com o aumento das tarifas de água e electricidade que são os bens essenciais. Este acto não está coerente com as promessas que feitas pelo partido do governo durante a campanha.

Silva adiantou que, depois das eleições e para a infelicidade dos Cabo-verdianos assiste-se a uma postura completamente contrária daquela que foi a promessa do MpD.

Preocupado com os impactos negativos que esta medida, prevista, poderá ter, na vida dos Cabo-verdianos e na competitividade das empresas do país, Silva diz que o partido manifesta o seu repúdio por essa atitude do governo.

Na plataforma eleitoral do Governo do MPD consta que é fundamental que se garanta um sistema de transporte marítimo seguro, célere, regular, com preços competitivos e alinha a condição do país insular, onde o sistema de transporte assume papel fulcral na competitividade da economia e na produção nacional.

 

Texto: Irina Rodrigues

 

Pub

  1. NOTÍCIAS »
  2. Destaques
  3. Recentes

Pub