Formação 2

A formação visa preparar as instituições a fim de saberem como trabalhar com o Fundo Europeu para o Desenvolvimento-FED. Esta é a principal ferramenta de cooperação financeira entre a Europa e Cabo Verde e possui as suas regras e procedimentos muito específicos.

Segundo José Pinto Teixeira, Embaixador da Delegação da União Europeia em Cabo Verde, o FED, por ter regras muito específicas, os gestores de fundações que são beneficiados têm de estar familiarizados com todos os procedimentos necessários.

Teixeira adiantou que em muitos países parceiros não seguem os procedimentos necessários do FED e os mesmos fundos são gastos sem respeitar as regras e assim estes não são legíveis e isso prejudica o orçamento do estado do país.

Em relação a gestão do financiamento em Cabo Verde, o embaixador, diz que a gestão tem sido bem utilizada, com excepção de algumas fundações que não têm seguido os procedimentos necessários.

A formação tem a duração de 2 semanas e está a acontecer na Cidade da Praia, com participação de gestores de fundações que são beneficiários do Fundo Europeu para o Desenvolvimento.

 

Texto: Irina Rodrigues

 

Pub

  1. NOTÍCIAS »
  2. Destaques
  3. Recentes

Pub