bispos

A Diocese de Mindelo acolhe de hoje até o dia 13, e pela primeira vez, a conferência episcopal de Cabo Verde, Senegal, Mauritânia e Guiné-Bissau, um colégio episcopal que inclui dois cardeias, Dom Arlindo Furtado e Monsenhor Adrien Sarr, Arcebispo emérito de Dakar. Este encontro é composto por 13 bispos que no Mindelo vão também poder acompanhar a segunda edição do espectáculo Cantar a Fé, promovido pela Diocese de Mindelo.

Em cada ano, a Conferência Episcopal acontece numa das Dioceses dos países que a integram. O encontro de Mindelo segue ao realizado em Nouakchott, na Mauritânia, no ano passado, por ocasião do 50 anos daquela Igreja num país de maioria muçulmana. É a primeira vez que a Diocese de Mindelo, a mais nova de todas, recebe grande número de bispos

“Esta conferência episcopal é composta por 14 bispos, porque senegal tem sete Dioceses; Guiné Bissau duas; Mauritânia uma e Cabo Verde têm duas. Nos temos um encontro anual que acontece sempre numa das Dioceses. Mindelo é uma diocese nova e é a primeira vez que a Diocese de Mindelo recebe tao grande numero de Bispos e de personalidades da Igreja”, afirma Dom Ildo.

O encontro termina precisamente no dia em que nas Igrejas Locais encerram o Jubileu da Misericórdia. Nesse dia, Dom Ildo celebra ao lado de outros 12 bispos e vários sacerdotes na sua Diocese.

Vamos ter um programa vasto que vai conhecer o seu momento alto no dia 13, que é precisamente o dia do encerramento do ano da Fé na Diocese. Eu tenho a graça de fazer o encerramento com a presença dos meus colegas bispos, que estão aqui comigo nesse encontro”, acrescenta.

Nesse mesmo dia, 13 à tarde, Mindelo acolhe um espectáculo musical intitulado “Cantar a fé”, um espectáculo que conta com inúmeros artistas.

Cantar a Fé, sublinha Dom Ildo é um espectáculo não religioso e posiciona-se no campo profano, onde músicas de compositores cabo-verdianos serão interpretadas.

 

Texto: Neidilídia Andrade

 

Pub

  1. NOTÍCIAS »
  2. Destaques
  3. Recentes

Pub