segurança rodoviaria

Cabo Verde acolheu nos últimos dias um projeto para Campanha sobre Segurança Rodoviária que visa transferir conhecimentos e ajudar a perceber como outras campanhas podem ser aplicadas na realidade cabo-verdiana.

Cabo Verde acolheu nos últimos dias um projeto para Campanha sobre Segurança Rodoviária, visando transferir conhecimentos e ajudar a perceber como outras campanhas podem ser aplicadas na realidade cabo-verdiana através da recolha de dados em algumas pessoas.

O promotor do projeto, o engenheiro Faustino Gomes afirmou que este não era um projeto que visava fazer uma campanha, mas sim metodologias para fazer campanhas de segurança rodoviária para a transferência de conhecimentos à DGTR.

“A campanha-piloto teve números interessantes de pessoas que mostraram-se disponíveis para colaborar com a campanha”, afirma o engenheiro Faustino Gomes, dizendo que o objectivo da campanha é mudar comportamentos das pessoas em relação à segurança rodoviária.

Gomes ainda avança que a expectativa é a transferência de conhecimentos, destacando que não conseguiam ter feito essa campanha sem a ajuda da polícia nacional, que teve um papel fundamental nessa campanha.

Nos últimos 10 anos tem-se registado em Cabo Verde 37800 acidentes, 8800 feridos e 570 mortes. De lembrar também que Cabo Verde tem uma média de 57 mortes, por ano na estrada.

 

Texto: Eduardo Afonso

 

Pub

  1. NOTÍCIAS »
  2. Destaques
  3. Recentes

Pub