logotipo tiver futuro

banner Tiverbanner Tiverbanner Tiverlivetvtiver

sporting

A Tribuna Expresso teve acesso a mais de 20 testemunhos de jogadores e staff do plantel profissional do Sporting prestados no Comando Territorial de Setúbal, na sequência do ataque de um grupo organizado de adeptos à Academia.

Bas Dost, o primeiro a exibir as marcas do ataque, diz ter sido atingido com um cinto na cabeça que o fez cair no chão, onde continuou a ser agredido pelo mesmo agressor e por outro que se lhe juntou. Já Acuña conta que foi atacado por um grupo de cinco ou seis agressores, que o agrediram com murros na zona da cabeça e corpo.

O argentino alude ainda a ameaças verbais. William Carvalho garante ter sido agredido por três indivíduos com socos na zona do peito, revelando no testemunho que teve conhecimento através de Rui Patrício que já existiram situações passadas de ameaças de adeptos aos jogadores.

Já Battaglia deu conta de agressões verbais e físicas, tendo sido atingido nas costas com um garrafão de 25 litros de água que lhe provocou fortes dores. Montero, por seu lado, recorda-se de ouvir os agressores a perguntarem por Acuña e Battaglia, mas foi depois agredido com duas estaladas quando Palhinha se agarrou a ele para o proteger. Fábio Coentrão esclareceu que não foi agredido, mas disse temer pela continuação de tais atos ou até de maior grau de violência.

 

 

Pub

  1. NOTÍCIAS »
  2. Destaques
  3. Recentes

Pub