final colonia de ferias

O Palácio da Cultura Ildo Lobo encerrou hoje a 1ª edição de Férias Criativas que teve como objetivo ocupar as crianças nos períodos de férias com várias atividades lúdicas, bem como formações direccionadas a crianças e adolescentes. Uma edição que teve um balanço positivo por parte dos participantes.

O Palácio da Cultura Ildo Lobo acolheu durante todo o mês de Agosto, a 1ª edição do projeto Férias Criativas, no qual participaram mais de 100 crianças e adolescentes em diversas áreas de formação. De acordo com o Responsável pela Programação do Palácio da Cultura, Mano Preto, foram feitas diversas as atividades como expressão corporal, pintura facial e efeitos especiais, expressão plástica, fotografias, aulas de Hip Hop, entre outras. “Incutir nas crianças o gosto pela arte”, foi a mensagem deixada por Mano Preto às crianças que estiveram presentes nesta colónia de férias. No entanto, o balanço foi bastante positivo.

A colónia de férias envolveu crianças de várias faixas etárias, desde os 4 aos 14 anos de idade. Segundo o Ministro da Cultura e das Indústrias Criativas, Abraão Vicente, o principal foco na realização desta colónia de férias foi a formação das crianças. No entanto, realça que estas atividades foram como um isco para incentivar crianças e divulgação de ensino artístico.

O Ministro da Cultura não deixou de falar sobre a Bolsa de Acesso à Cultura para a qual 72 escolas se candidataram, em que 48 vão ser contempladas. No entanto, o montante das bolsas vai ser de 1000 até 2500 escudos. “1.105 alunos vão ser beneficiados pela Bolsa de Acesso à Cultura”, afirma o Ministro, explicando que essa bolsa vai existir durante o mandato do MpD. Abraão Vicente conclui ainda que o Ministério da Cultura vai apostar em tudo o que está ligado à criatividade.

Esta foi a 1ª edição do projeto Férias Criativas que foi promovida pelo Ministério da Cultura, tendo o Palácio da Cultura várias programações viradas para as crianças, no ramo artístico que estão agendadas para até o início do próximo ano.

 

Texto: Eduardo Afonso

 

Pub

  1. NOTÍCIAS »
  2. Destaques
  3. Recentes

Pub