Crise Ovos ARFA

Depois dos jornais internacionais indicarem que Cabo Verde foi integrado na lista dos países que importou ovos contaminados com a Fipronil, a ARFA, através de um comunicado assevera que o produto proveniente da Bélgica já não se encontrava disponível no mercado em agosto.

“Da rastreabilidade efetuada no início de agosto, foi confirmada que uma firma comercial importou em junho de 2017 ovos e foi averiguado que este produto já não se encontrava disponível para venda no mercado nacional.”

Ainda afirma que recebeu na sexta-feira o alerta oficial do Sistema de Alerta Rápido para os Géneros Alimentícios e Alimentos para Animais da União Europeia – RASFF, assegurando que começaram a investigar logo após ter sido dado o alerta da existência de ovos contaminados em alguns países da União Europeia, no início de Agosto.

De acordo com o mesmo documento o alerta da RASFF, de 8 de setembro, revela que os ovos contaminados já foram retirados do mercado europeu. Porém a seguradora alimentar cabo-verdiana informa que continuará a acompanhar o assunto junto das autoridades europeias e nacionais com vista à proteção dos consumidores.

 

Pub

  1. NOTÍCIAS »
  2. Destaques
  3. Recentes

Pub