logo natal

banner Tiverbanner Tiverbanner Tiver

turquia

A primeira-ministra britânica, Theresa May, e a líder do Partido Democrático Unionista da Irlanda do Norte, Arlene Foster, assinaram, esta segunda-feira, um acordo que vai permitir aos conservadores governar em minoria.

Em declarações à saída, a líder do Partido Democrático Unionista (DUP), Arlene Foster, saudou o que o acordo pretende que é garantir um governo estável no Reino Unido no interesse nacional. O resultado deverá fazer evoluir a segurança do país, construir prosperidade para todos e apoiar a saída da UE que beneficie todas as partes do Reino Unido. O acordo, cujos detalhes serão publicados, inclui o compromisso do governo manter o chamado "triple-lock" nas pensões de reforma introduzido em 2010, que garante aumentos anuais ao nível da taxa de inflação, rendimentos médios ou um mínimo de 2,5%.

De acordo com o Diário de Notícias, o governo promete também manter os atuais subsídios para energia para todos os idosos, duas medidas que o partido Conservador tinha proposto remover no seu programa eleitoral. Em particular para a Irlanda do Norte, o acordo prevê mil milhões de libras adicionais (1.139 milhões de euros), e maior flexibilidade no uso de 500 mil libras (570 mil euros) já alotadas ao território.

 

Pub

  1. NOTÍCIAS »
  2. Destaques
  3. Recentes

Pub