Espanha Pai de terroristas mortos diz que filho Mohamed Aalla é inocente

 

O pai de dois terroristas morto, Youssef e Said Aalla, disse que o filho Mohamed Aalla, libertado provisoriamente, emprestou o Audi A3 com o qual se perpetrou o atentado no passeio marítimo de Cambrils ao irmão Said, abatido pela polícia. Além de Mohamed Aalla, outros três elementos foram detidos.

Dois encontram-se em prisão preventiva e o terceiro, ficou detido esta terça-feira, por mais 72 horas. Esta quarta-feira, o procurador de Paris, François Molins, confirmou que o Audi A3 que foi usado pelos terroristas em Cambrils esteve na zona da capital francesa uma semana antes dos atentados.

Desde que a sombra terrorista se abateu sobre a Catalunha, a polícia prossegue as buscas em vários locais relacionados com os membros da célula jihadista suspeita de realizar os atentados.

Pub

  1. NOTÍCIAS »
  2. Destaques
  3. Recentes

Pub