aministia acusa ue

A Amnistia Internacional acusa a União Europeia de violar o direito internacional por estar a deportar todos os anos milhares de afegãos e a expô-los ao risco de violações dos direitos humanos. Num relatório apresentado em Paris, a organização não-governamental refere que a deportação de afegão aumentou 300% e pede por isso uma moratória.

De acordo com as Nações Unidas, pelo menos 1600 civis morreram no primeiro semestre do ano, com 20% das vítimas em Cabul. Depois dos sírios, os afegãos são o maior grupo de requerentes de asilo na Europa, com mais de 108 mil pedidos registados no último ano, de acordo com o Eurostat.

 

Pub

  1. NOTÍCIAS »
  2. Destaques
  3. Recentes

Pub