californiaincendio

Diversas equipas de busca e salvamento, algumas com cães pisteiros, procuravam detetar corpos na região vinícola da Califórnia devastada pelos incêndios, sugerindo que podem existir mais mortos entre as ruínas, referiram as autoridades.

Pelo menos 30 pessoas morreram, cerca de 200 ficaram feridas e cerca de 3.500 casas e estabelecimentos comerciais e outras estruturas foram destruídas pelas chamas, naquele que já considerado o incêndio mais destrutivo da história da Califórnia. Há cerca de 400 desaparecidos até ao momento.

Os incêndios deflagraram na noite de domingo por causas que ainda se desconhecem e expandiram-se rapidamente. Alguns focos, ainda fora de controlo, continuam a ser combatidos por milhares de bombeiros, enquanto já decorrem diversas operações de rescaldo.

Pub

  1. NOTÍCIAS »
  2. Destaques
  3. Recentes

Pub