mayconfiante

Num discurso na Câmara dos Comuns, a primeira-ministra britânica disse esperar que o Parlamento vote o acordo sobre os termos de saída do Reino Unido da União Europeia, antes de se executar, de forma oficial, o “Brexit.” Theresa May pronunciou-se, esta quarta-feira, sobre declarações anteriores proferidas pelo ministro britânico encarregue das negociações com a UE.

David Davis sugeriu, de maneira polémica, ser possível que a votação venha a ser adiada até depois de 29 de março de 2019. Esse é, em teoria, o “dia D” em que deverá terminar formalmente o processo relativo à saída do Reino Unido do bloco comunitário.

 

Pub

  1. NOTÍCIAS »
  2. Destaques
  3. Recentes

Pub