logotipo tiver futuro

banner Tiverbanner Tiverbanner Tiverlivetvtiver

 

 Sociedade civil exige demissão do governador do Banco de Moçambique

Organizações da sociedade civil moçambicanas exigiram hoje a demissão do governador do Banco de Moçambique, Rogério Zandamela, acusando-o de arrogância no tratamento do "apagão" do sistema de pagamentos electrónicos da rede bancária do país.

"As aparições públicas de Rogério Zandamela têm criado incerteza nos mercados e nas empresas e revelam arrogância", diz um comunicado divulgado hoje por cinco organizações da sociedade civil. O governador do Banco de Moçambique geriu a paralisação das caixas automáticas e dos pontos de pagamento electrónicos com ligeireza e desprezo em relação aos prejuízos provocados nos utentes, entendem os subscritores do comunicado.

As organizações consideram haver um conflito de interesse pelo facto de o Banco de Moçambique ser regulador e igualmente accionista da Simo, empresa gestora do sistema de pagamentos electrónicos. "Existe, claramente, um insanável conflito de interesses.

As organizações da sociedade civil exigem que seja reposta a transparência na gestão do sistema electrónico da banca moçambicana", lê-se no comunicado. As caixas automáticas e pontos de pagamento electrónico da rede bancária moçambicana não funcionaram entre sexta-feira da semana passada e quarta-feira desta, depois de o fornecedor da plataforma electrónica, a empresa portuguesa Bizfirst, ter cortado o serviço, devido a um litígio com a Simo.

 

 

 

Texto: Grace Cabral

Fonte: RTP Noticias

 

 

Pub

  1. NOTÍCIAS »
  2. Destaques
  3. Recentes

Pub