logotipo tiver futuro

 

 

banner Tiverbanner Tiverbanner Tiverlivetvtiver

 

 ESTADOS UNIDOS Frio extremo nos Estados Unidos faz 12 mortos

As baixas temperaturas provocadas pelo vento ártico que atinge os Estados Unidos já provocaram doze mortos em diferentes Estados do país. Em Chicago, a cidade mais atingida, milhares de voos foram cancelados, as escolas estão encerradas.

Em Detroit, o corpo de um homem de 80 anos foi encontrado com sinais de hipotermia. Outra vítima mortal foi um estudante da Universidade de Iowa que foi encontrado nas traseiras de um auditório. Em Chicago, um homem foi atingido por um limpa-neves.

As autoridades revelaram ainda que em Milwaukee uma pessoa morreu congelada numa garagem. Os hospitais falam de uma enchente de pessoas com queimaduras de frio e sintomas de hipotermia. Na região do Midwest, as aulas estão suspensas em várias cidades, incluindo Chicago, que integra o terceiro maior sistema escolar do país.

As universidades também estão encerradas, assim como as atrações turísticas e alguns serviços públicos. A polícia tem alertado para o perigo de acidentes rodoviários devido às estradas geladas.

O Serviço Postal deixou temporariamente o seu lema - “nem a neve, nem a chuva, nem a escuridão da noite trava o nosso trabalho” - e interrompeu as entregas em várias regiões.

Em Chicago, os termómetros chegaram, na quarta-feira, aos 23 graus negativos. Ligeiramente acima das temperaturas registadas em janeiro de 1985. As autoridades recomendam à população para que evite, dentro do possível, andar no exterior, sobretudo ao anoitecer e durante a madrugada.

Para apoiar os sem-abrigo, muitas cidades disponibilizaram abrigos em edifícios governamentais, igrejas, escolas e instituições de caridade

 

 

 

Texto: Grace Cabral

Fonte: RTP

 

Pub

  1. NOTÍCIAS »
  2. Destaques
  3. Recentes

Pub