1140 FAMÍLIAS DE QUATRO MUNICÍPIOS DO PAÍS VÃO SER BENEFICIADOS

Cerca de 1140 famílias dos municípios de Porto Novo, São Domingos, Santa Cruz e Ribeira Grande de Santiago vão ser beneficiadas, fruto da assinatura de protocolo entre a FAO, Ministério Agricultura e Ambiente e o ministério da família inclusão e desenvolvimento social, que ronda os 30 mil contos.

O Ministério da Agricultura e Ambiente, o Ministério da família, inclusão e desenvolvimento social e o FAO, colocaram hoje preto no branco para apoiar os mais vulneráveis. Fernando Elísio Freire vê a inflação como o principal impostor.

A subida continuada do preço dos produtos, advindos das crises inflacionárias, veio a deixar a população cabo-verdiana, muito aflita, por isso, diz Gilberto Silva, este documento, permitirá uma maior resiliência dos mais afetados.

Cabo Verde enfrenta cinco anos consecutivos de seca, impactos da Covid-19 na economia e o consequente aumento de preços dos produtos. Essas crises têm e vão continuar a dificultar o crescimento da economia nacional.

A capacidade de produção agrícola e a segurança alimentar das famílias, também foram afetados.

Todavia, o titular da pasta da família, inclusão e desenvolvimento social diz que é preciso continuar a ter sempre, um olhar para os mais vulneráveis e aponta algumas ações.

Estas assinaturas, válidas por quatro meses, de dezembro deste ano a março de 2023, visa complementar as medidas preventivas do governo para mitigar os impactos provocados pela tripla crise.

Redação Tiver

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *