APURAMENTO CAN SUB-17: CV SOMA NOVA GOLEADA E FICA PELO CAMINHO

O Benfica começou o Grupo F da Liga dos Campeões de basquetebol com um valioso triunfo (89-76) na visita ao VEF Riga, da Letónia, um feito histórico a juntar ao que já foi a estreia na competição.

Sem pressão ante um adversário que partia como favorito, o conjunto de Norberto Alves foi muito consistente e não vacilou, mesmo quando chegou a estar a perder por nove pontos no primeiro período, que terminou com 27-25 para os anfitriões, após um parcial final de 10-3 na recuperação dos lisboetas.

O campeão do campeonato conjunto da Letónia e Estónia sentiu bem mais dificuldades no segundo parcial, uma vez que o Benfica, bem mais sólido na defesa, cedeu apenas 11 pontos, facto que o ajudou a ir para o intervalo com vantagem de quatro pontos (48-42).

Os locais eram claramente superiores nos ressaltos (21-14), porém os portugueses lideravam nos restantes aspetos do desafio.

A fase inicial do terceiro período foi das mais complicadas para os portugueses, pois um parcial de 16-7 colocou o Riga cinco pontos à frente (54-49), só que o Benfica não tardaria a mostrar o seu melhor e com uma resposta de 22-11, apoiada num jogo exterior forte, virou o jogo para os 65-71 a seu favor.

No quarto período, os anfitriões pareceram sentir a pressão do fator casa ante um Benfica cada vez mais seguro e personalizado, que passou a vantagem para dois dígitos aos 65-76 (11 pontos), que foi controlando até final.

Toney Douglas destacou-se no Benfica, com 17 pontos, quatro ressaltos, sete assistências e dois desarmes, enquanto Nysier Brooks ainda alimentou as esperanças dos letões com 20 pontos e sete ressaltos.

Fonte: SIC Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *