BANCO ALIMENTAR DE CABO VERDE

O Banco alimentar de Cabo Verde, arrecadou este ano, cerca de três mil quilos de alimentos, numa campanha que decorreu durante dois dias. Esta iniciativa permite dar respostas as necessidades alimentares às famílias que vivem em situação de vulnerabilidade.

Criado em outubro de 2012 depois da assinatura de um protocolo com a Entrajuda de Portugal, o Banco alimentar de Cabo Verde, tem o propósito de ajudar as pessoas com necessidades alimentares, desde então, já arrecadou um total de 1 601 740 kg de alimentos. Hoje, o projecto é um dos maiores do país e atende, regularmente mais de 300 famílias.

Segundo a Presidente da Fundação Donana, foram feitas campanhas em 30 lojas e contaram com mais de 100 voluntários.

Para além das campanhas anuais, aqui em Cabo verde, a presidente, Ana Almada, explica que o projeto conta ainda com o apoio do Banco alimentar de Portugal.

Nesses dois últimos dias da campanha, a fonte faz um balanço positivo, visto que arrecadaram uma boa quantia de alimentos que permitem dar respostas às necessidades alimentares dos beneficiados.

Depois da Campanha, a fundação vai beneficiar mais de 300 famílias escolhidas pelas associações residentes aqui na ilha de Santiago e também nas outras ilhas. Além da ajuda com a entrega de cestas básicas, o projeto donana atende também itens específicos como uma cadeira de rodas, roupas entre outros utensílios.

Redação Tiver

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *