BENFICA DISTINGUE OS MELHORES COM O “COSME DAMIÃO”

O avançado Darwin Núñez foi distinguido como futebolista masculino do ano na entrega dos galardões Cosme Damião, que decorreu na tribuna presidencial do Estádio da Luz.

O uruguaio, de 22 anos, que lidera a tabela de melhores marcadores da I Liga de futebol, com 20 golos, não esteve presente na cerimónia, mas o prémio será entregue esta sexta-feira, no Benfica Futebol Campus, de acordo com a organização do evento.

Oriundo do Almería, de Espanha, Darwin chegou ao Benfica no início da época passada, onde fez 14 golos em 44 jogos, antes de explodir na época em curso, onde já soma 25 remates certeiros em 30 partidas disputadas.

No feminino, a avançada Cloé Lacasse superou a concorrência das companheiras de equipa Pauleta, Andreia Faria e Catarina Amado.

Os prémios de futebolista masculino e feminino do ano foram entregues imediatamente antes de Rui Costa, ser chamado ao palco para entregar o prémio carreira a António Bastos Lopes, seu antigo treinador nos escalões de formação.

O presidente dos encarnados ficou ainda em palco para a entrega do galardão de mérito e dedicação a Artur Santos, presidente do Sport Lisboa e Saudade e o “mais velho campeão europeu” do clube.

Na categoria prémios revelação, Gonçalo Ramos recebeu o galardão do futebol superando a concorrência de Morato e Paulo Bernardo, enquanto Kika Nazareth foi a distinguida no futebol feminino e Silvestre Ferreira, do futsal masculino, levou o prémio destinado às modalidades.

O campeão olímpico do triplo salto, Pablo Pichardo, venceu na categoria de atleta de alta competição, superando Fernando Pimenta (canoagem) e Joana Soeiro (basquetebol feminino), enquanto o voleibol masculino voltou a ser eleito modalidade do ano, tal como em 2021.

O voleibol masculino, de resto, voltou a ser duplamente distinguido, uma vez que o treinador brasileiro, Marcel Matz, também foi de novo galardoado com o Cosme Damião de treinador do ano, um dos mais relevantes da cerimónia.

Nas categorias de atribuição direta, o projeto de monitorização de jogadores “indoor” recebeu o prémio da inovação e a equipa de juniores de hóquei em patins foi distinguida na categoria de formação.

A companhia aérea Fly Emirates, patrocinadora principal do futebol do clube, foi reconhecida como parceiro do ano e, a nível interno, o projeto Eco Benfica foi designado projeto do ano, enquanto o prémio Casa do Benfica foi para Vila Nova de Gaia.

Num momento emotivo da noite, Manuel de Jesus Libório, que durante “meio século” desempenhou as funções de delegado do futebol de formação, foi distinguido com o prémio Homenagem, entregue pelo presidente do Benfica, Rui Costa, ao filho Hélder Libório.

A gala, realizada no camarote presidencial do Estádio da Luz, em Lisboa, celebrou o 118.º aniversário do Benfica e premiou as figuras que mais se destacaram no universo benfiquista ao longo do último ano.

Fonte: RTP / Redação TIVER

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.