CABO VERDE VAI ÀS OLIMPÍADAS DA ÍNDIA

Cabo Verde vai participar nas Olimpíadas de Índia, previstas para serem disputadas, inicialmente entre Julho e Agosto deste ano, com uma equipa masculina e, possivelmente com inclusão de uma feminina, caso haja disponibilidade financeira.

O presidente da Federação Cabo-verdiana de Xadrez avançou que ainda não estão definidas as datas concretas, já que a prova inicialmente agendada para ser disputada em Moscovo foi transferida pela Índia, por força da invasão da Rússia à Ucrânia.

Francisco Carapinha disse que à luz do regulamento, cada equipa será composta por quatro jogadores mais um suplente, pelo que Cabo Verde perspectiva participar nesta espécie do Campeonato do Mundo com 10 xadrezistas, dos quais cinco da equipa Open (masculina) e outras tantas femininas.

“Tudo dependeria das condições que consigamos arranjar. É claro que a equipa Open vai lutar para um lugar de pódio em termos da nossa zona. Na feminina é uma incógnita porque será a nossa primeira participação”, referiu Carapinha, recordando que na primeira e única participação nas Olimpíadas (na Geórgia), Cabo Verde levou uma equipa Open e superou a expectativa.  

Francisco Carapinha espera ser nomeado como árbitro internacional nesta Olimpíada, ou na Olimpíadas das pessoas com deficiência.

Cabo Verde participou pela primeira e única vez numa olimpíada da modalidade, realizada em 2018 na Geórgia, a última realizada, com uma equipa Open (masculina).

Fonte: Inforpress // Redação Tiver

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.