CMM QUER DESCENTRALIZAR SERVIÇOS CAMARÁRIOS E DA SAÚDE

O presidente da Câmara Municipal do Maio, Miguel Rosa, garantiu hoje que a autarquia pretende descentralizar, no próximo ano, os serviços camarários e da Saúde às vilas do Barreiro e da Calheta. O que se quer e facilitar o acesso de serviços aos moradores das duas comunidades.

O edil maiense assegurou que a edilidade está a trabalhar em sintonia com os parceiros como a CV Telecom, os Correios de Cabo Verde e a instituição que gere os serviços de ATM no sentido de instalarem esses serviços na vila da Calheta, já que são uma necessidade e uma reivindicação antiga dos moradores daquela vila.

A par disso, aquele autarca deixou a garantia de que a edilidade pretende levar os serviços camarários para junto das pessoas, tendo em conta que já existe uma infra-estrutura vocacionada para este efeito, embora tenha admitido que, neste momento, não estão em condições para tal por falta da presença de pelo menos um delegado municipal.

Conforme afiançou aquele autarca, as condições foram criadas há algum tempo, com vista a prestarem este serviço, mas garantiu que no quadro do projecto “Maio 20/25”, está sendo analisado esta questão, com vista a repor este serviço que já tinha sido iniciado, há algum tempo, tanto vila da Calheta como na localidade de Pedro Vaz, que servia todas localidades do centro e norte da ilha.

Miguel Rosa, informou ainda que para o próximo ano está sendo analisada a questão da colocação de um enfermeiro residente na vila do Barreiro, além de outros investimentos que estão previstos para aquela urbe que, neste momento, se encontra em festa da sua santa padroeira e que, há dias, recebeu o seu campo relvado de treino.

Fonte: Inforpress // Ad: Redação Tiver

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *