MAU TEMPO PROVOCA DEZENAS DE VÍTIMAS MORTAIS NOS EUA

Em Nova Iorque, a tempestade de neve provocou, pelo menos, 28 vítimas mortais e o Presidente norte-americano, Joe Biden, declarou o estado de emergência. As previsões meteorológicas indicam que as condições extremas não vão sofrer melhorias significativas.

A colossal tempestade de neve que trouxe o caos a milhões de norte-americanos, e que as autoridades descrevem como uma “guerra com a mãe natureza”, atingiu com particular violência o estado de Nova Iorque, onde provocou, pelo menos, 28 vítimas mortais e o Presidente norte-americano, Joe Biden, declarou o estado de emergência.

As previsões meteorológicas indicam que as condições extremas não vão sofrer melhorias significativas no Nordeste do país.

A nível nacional, o mau tempo provocou cortes de energia generalizados, grandes condicionamentos nas viagens e pelo menos 55 mortes.

Buffalo, uma cidade que não é estranha ao mau tempo de Inverno, foi praticamente soterrada pela neve.

A governadora do estado de Nova Iorque, Kathy Hochul, disse que se estava perante o “nevão do século” e avisou que a tempestade estava longe de ter terminado. Hochul acrescentou que “neste momento a situação não é tão má como nos últimos dias, mas continua a ser uma situação perigosa”

As condições climatéricas extremas obrigaram ao cancelamento de mais de 15.000 voos nos últimos dias, incluindo mais de 2.700 na segunda-feira, de acordo com o site Flightaware.com.

Por todo o país, milhares de pessoas estão nos aeroportos a aguardar por um voo para seguirem viajem ou a tentar encontrar a mala que não foi entregue e está perdida no meio do caos.

Com base nos dados do FlightAware, aeroportos por todo o país estão a sofrer cancelamentos e atrasos, incluindo Denver, Atlanta, Las Vegas, Seattle, Baltimore e Chicago.

Fonte: Euronews

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *