PM QUER MELHOR ARTICULAÇÃO NAS EMPRESAS DE TRANSPORTES MARÍTIMOS

O primeiro-ministro defendeu a necessidade de a Empresa Nacional de Administração dos Porto e a concessionária dos transportes marítimos trabalharem juntos visando a resolução dos problemas que ainda existem nos transportes marítimos em Cabo Verde.

Ulisses Correia e Silva fez estas afirmações quando proferia o seu discurso na cerimónia de abertura do 40º aniversário da Enapor, realizada na Cidade da Praia, sob o lema “Preservar o passado, valorizar o presente e perspectivar o futuro”.

Considerou a conectividade marítima como uma “ferramenta fundamental” na unificação do mercado interno e externo, tendo realçado que o papel desempenhado pela Enapor e a concessionária dos transportes marítimo neste sentido “é importante”.

O chefe do Governo afirmou que a prioridade nos próximos tempos é a criação de sistemas de conectividades “funcionais e efectivas” que garantam a regularidade e melhorias nos serviços dos transportes marítimos em Cabo Verde.

“É a nossa prioridade das prioridades, sempre foi e será maior nos próximos tempos, termos os sistemas de conectividades que sejam funcionais, efectivas e que garantam, de facto, regularidade, temos de facto de acabar com essas quebras de situações que depois possam criar dificuldades na vida das pessoas na sua mobilidade, na circulação das mercadorias”, declarou.

Ulisses Correia e Silva defendeu neste sentido que é preciso que a vertente da conectividade seja afinada o máximo possível na resolução dos problemas dos transportes marítimos em Cabo Verde

“Aqui não é o papel essencial da Enapor, mas é o papel da concessionária dos transportes marítimos, para trabalhar juntos e encontrar melhores soluções de resolução de dificuldades que ainda existem nos transportes marítimos de Cabo Verde”, apontou.

fonte: Inforpress // Ad: Redação Tiver

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *