POPULAÇÃO QUER QUE INFRAESTRUTURA SEJA DEVOLVIDA PARA ESPAÇOS DESPORTIVOS

Um grupo de jovens e desportistas das localidades de Achadinha, Bairro e Várzea, zona limítrofes do antigo Estádio Coco, está a mobilizar-se para incitar a Câmara da Praia a devolver o referido espaço para a prática desportiva.

Os promotores reclamam que, contrariamente aos demais bairros da capital, estas localidades são as únicas desta urbe que atualmente não têm acesso a infraestruturas desportivas para a prática do futebol de onze, razão pela qual pedem a autarquia para construir um campo relvado, em vez de espaço de lazer, anunciado pela atual equipa camarária.

O presidente da Câmara Municipal da Praia, Francisco Carvalho, já tornou público que o espaço onde se deu início em 2010/11, ao que seria um centro comercial, seria desmantelado e transferido para a Achada de São Filipe e que neste espaço seria construído espaço para lazer.

Os subscritores, contudo, defendem que nesta presente conjuntura, não é viável a construção de mais espaços de lazeres como praça, dada a onda de criminalidade que se faz sentir na cidade da Praia, ainda mais quando há escassos metros, existe espaço de lazer, devidamente equipado nos arredores do memorial Amílcar Cabral.

Fonte: Inforpress // Ad: Redação Tiver

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.