“POVO NÃO SE REVÊ NO PARLAMENTO CABO-VERDIANO”

O presidente do partido popular, Amando Barbosa Vicente, criticou os deputados da Nação, e considerou que o parlamento cabo-verdiano quase que não representa o povo que o elegeu mais sim os chefes dos partidos.

O presidente do Partido Popular, Amândio Barbosa, que falava numa entrevista exclusiva à TIVER destacou que em Cabo Verde o parlamento não cumpre com o seu papel que é de representar o povo.

O mesmo afirmou ainda que os 72 deputados eleitos constituem um custo elevadíssimo para o povo cabo-verdiano com regalias e privilégios exagerados levando em conta a situação económica do país.

Amândio Barbosa frisou ainda que a situação do país no campo político é muito centrada na pessoa de líderes dos partidos políticos.

Como solução para esta problemática da política nacional, Amândio Barbosa destacou que é preciso uma revisão da constituição e também algumas medidas como por exemplo a limitação e perda de mandato.

O presidente do partido popular abordou também sobre os conflitos na camara municipal de Praia e de São Vicente.

Este responsável político destacou que para o ano 2023 o partido popular vai retomar as suas atividades.

Redação Tiver

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *