UCRÂNIA TEM UM LONGO CAMINHO PELA FRENTE ANTES DE CHEGAR A UE

A Presidente da Comissão Europeia discursou, por videoconferência, perante o parlamento ucraniano. A adesão da Ucrânia à União Europeia não está garantida, o país tem “um longo caminho pela frente”, mas Ursula von der Leyen fez questão de frisar a coragem com que o país está a combater o inimigo e prometeu não baixar os braços.

“O exército de Putin ainda está a matar os vossos irmãos e irmãs. Continua a ocupar as vossas terras, roubando os vossos cereais e bombardeando as vossas cidades. Vocês estão a ripostar corajosamente. E a Europa irá apoiar a Ucrânia o tempo que for preciso. Não descansaremos até que vocês prevaleçam”. – Ursula von der Leyen

Ursula von der Leyen apelou aos deputados trabalho árduo, determinação e para se unirem no sentido de concretizarem as reformas exigidas por Bruxelas. 

A líder europeia sublinhou a necessidade do país implementar leis anti-corrupção, nomear um procurador-chefe que trabalhe nesse sentido e um chefe para a Direcção Nacional Anti-Corrupção, de reformar o Tribunal Constitucional, implementar a lei que limita a influência dos oligarcas e aprovar uma regra sobre a independência dos meios de comunicação social. 

“Prevenir e combater a corrupção tem estado no topo da vossa agenda desde os protestos da Praça Maidan. Criaram uma impressionante máquina anticorrupção. Mas agora estas instituições precisam de coragem e das pessoas certas em cargos de topo”. – Ursula von der Leyen

Volodymyr Zelenskyy também pediu à assembleia trabalho “conjunto” para as reformas necessárias para a adesão à União Europeia. O presidente ucraniano garantiu que não vão parar até alcançarem este objetivo e vencerem a guerra iniciada pela Rússia.

Fonte: Euronews

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.