FOGO/MOSTEIROS: DETIDO ARGUIDO SUSPEITO DE CRIMES DE ABUSO SEXUAL

O Ministério Público mandou deter nos Mosteiros na ilha do Fogo, um arguido suspeito da prática de vários crimes de abuso sexual de crianças, por ora são no total, 12 crimes contra crianças.

Em causa estão factos suscetíveis de integrarem, por ora, doze crimes de abuso sexual de crianças, previstos e punidos pela legislação penal cabo-verdiana, começou por dizer o Ministério Público na sua página na internet.

Em decorrência da vinculação aos princípios da transparência e da publicidade e visando assegurar a prestação de esclarecimentos públicos e o dever de informação, a Procuradoria-Geral da República, tornou público que no âmbito da investigação de um auto de instrução, registado na Procuradoria da República da Comarca dos Mosteiros, o Ministério Público ordenou a detenção, fora de flagrante delito, de um indivíduo do sexo masculino, de 26 anos de idade, natural da Freguesia de São Lourenço, Concelho de São Filipe, residente no município dos Mosteiros.

Em causa estão factos suscetíveis de integrarem, por ora, doze crimes de abuso sexual de crianças, previstos e punidos pela legislação penal cabo-verdiana.

A vítima é uma criança do sexo feminino, de 15 anos de idade, estudante do ensino secundário.

Submetido ao primeiro interrogatório judicial de detido, foram aplicadas ao arguido as medidas de coação de proibição de contacto e de aproximação da menor e das testemunhas, apresentação periódica às autoridades policiais e interdição de saída do país.

O referido processo continua em investigação e, por isso, em segredo de justiça.

Fonte: MP // Ad: Redação tiver

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.