NOVO EPISÓDIO DE INTOLERÂNCIA POLÍTICA ENTRE MILITANTES DO MPLA E DA UNITA

Os actos de intolerância política preocupam os vários segmentos da sociedade angolana, no momento que o país prepara o próximo pleito eleitoral previsto para o mês de Agosto.

O último episódio de intolerância política registou-se no fim-de-semana no Município de Sanza Pombo, na Província do Uije, que envolveu os militantes do partido governante, o MPLA, e a maior força política da oposição, a Unita.

Segundo as autoridades locais, os confrontos causaram mais de dez feridos, alguns tendo sido hospitalizados. A Unita acusa o MPLA de ter organizado uma contramarcha de militantes no mesmo dia programado para a sua actividade, causando os confrontos que exigiram a intervenção da polícia que procedeu à detenção de dezenas de suspeitos.

A sociedade civil angolana e as igrejas têm multiplicado os apelos ao diálogo entre as forças políticas para garantir a realização das próximas eleições gerais em clima de paz, numa altura em que se tornaram frequentes as acusações em torno da efectiva lisura do processo e em que se tornaram mais contundentes os discursos políticos ao ponto de levar ao confronto activistas de campos adversos.

Fonte: Rfi

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.