PAULINO VIEIRA MANDA RETIRAR TRABALHO DO MERCADO

Paulino Vieira através de uma carta mandou retirar dos antigos membros do movimento Help CV, um trabalho seu. Ele afirmou que não era para ser comercializado e os mesmos o ignoraram e colocaram-no nas mãos daqueles que ele chama de máfia, referindo-se ao Djô da Silva e à editora Lusáfrica.

Na carta, endereçada a Jean Jack, Paulino Vieira começou por dizer que vai retirar deles, antigos membros do movimento Help CV, aquilo que lhes deu, fazendo referência a um trabalho que diz ser um projecto inédito que o objetivo era para que com isso ajudassem as obras positivas de Cabo Verde.

Salientou ainda que os mesmos ignoraram a sua preocupação de não haver nenhum desvio e entregaram-no nas mãos da máfia, fazendo alusão ao José da Silva mais a sua editora Lusáfrica, que segundo diz, encontra-se colhendo os seus loiros e usufruindo – se dos direitos daquilo que ele não produziu.

Um trabalho que levou dois anos de dedicação, para a sua realização, garantiu o artista musical, levando– lhe a desinquietar todos os artistas da época, que com a deturpação da capa que ainda nem estava pronta, os seus nomes nem sequer apareceram, acabando por mostrar ingratidão, para com todo aquele que de livre vontade se disponibilizou.

O mesmo, destacou que os membros do movimento Help CV e três nomes que para ele não fizeram nada mais que os outros, para além de cantarem as suas partes falando do Bana, do Ildo Lobo, e da Cesária Évora.

Paulino Vieira garantiu que colocaram o disco na fábrica sem o seu consentimento e pediu que retirem este trabalho da circulação, pois ele como mentor e realizador vai levar avante a sua realização, trazendo a capa verdadeira para a realização de todos os outros participantes, como também para o esclarecimento de muita gente que até o dia hoje, pergunta quem afinal canta esta música.

Fizeram uma montagem mas não corresponde à realidade, afiançou a autor que esclarece que as pessoas que aparecem a cantar, algumas ainda nem eram crescidas, quando ele produziu o álbum.

Na carta, lembrou ainda que tentou falar com qualquer membro movimento Help CV, mas todos meteram – se no buraco, fingindo não saber o paradeiro de ninguém.

Finalizou dizendo que agradecia que retirassem este disco da comercialização, pois só confunde as gerações vindouras que de acordo com uma mentira implantada, com os anos passará a ser realidade.

A música a que o autor faz referência leva o título Peace, Love and Unity.

Fonte: Carta de Paulino Vieira // Redação Tiver

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.